quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Vamos lá Brasil!!!





Já passavam das duas madrugada e eu estava quase dormindo, quando ouvi o telefone tocar... era a Raquel, ligando de Pequin. Ouvi a sua voz límpida me dizendo: "oi mãe, tudo bem?" Nossa! Adorei! Meu rosto acendeu de alegria! Fiquei eletrétrica! Interessada na conversa... e ela me contou algumas coisas sobre o trabalho e, também da sua frustração no dia anterior. Ela estava de folga naquele dia e havia ganho um convite para a tribuna da Omega (um dos maiores patrocinadores dos jogos), então, vestiu-se de verde-amarelo e foi ao jogo torcer pelo futebol masculino em Pequin... "Que pena! Não consegui gritar gol nenhuma vez!" Lamentou por ela e pelos chinesinhos que se vestiram de amarelo para torcer pelo Brasil... sorte pra Argentina, que ficou com a chance de conquistar a Medalha de Ouro, nas Olimpíadas de Beijing...

Procurei amenizar a conversa falando sobre a importância do nosso futebol olímpico estar entre os quatro melhores do mundo... "Vamos torcer pelo Bronze!" - eu disse. E continuei: "-Precisamos aumentar o nosso quadro de medalhas... Ganhar não é tudo! O importante é competir e mostrar que o esporte contribui para a união dos povos. Se a Argentina vencer a final, o nosso continente sul-americano estará bem representado. Eles tinham que defender o orgulho de campeões olímpicos! E além de tudo, o povo argentino anda muito sofrido. Acho que será bom pra eles. Os atletas brasileiros tem feito uma boa participação e merecem as nossas melhores saudações olímpicas! Certamente, eu e muitos outros brasileiros, só não entendemos, como e porquê, esse gigante chamado Brasil, tem apenas uma Medalha de Ouro...!"

Penso que o governo brasileiro precisa demonstrar, com atitude, que entende a importância da formação atlética para nossos jovens! As escolas públicas, deveriam ter um programa patrocinado pelo governo, agregando o fornecimento da merenda escolar com a formação de atletas olímpicos. Talvez, isso os motivasse aos estudos e até reduzisse a taxa de problemas das escolas públicas com o aliciamento de jovens por marginais para servir ao mundo do crime... e tantas vidas poderiam ser salvas com uma carreira no atletismo!!!

Nesse momento, o governo poderia trabalhar a serviço da cidadania dos seus eleitores e reverter todos os gastos na campanha política em favor de mais esperança para as famílias, que não tem recursos para oferecer uma educação de qualidade aos seus filhos...

Se a iniciativa privada fosse incentivada, poderia se engajar com força nessa campanha... Óbvio que precisávamos de outros critérios, diferentes do que aconteceu com o dinheiro do Bingo no Brasil... Parafraseando o Boris Casoy: Uma vergonha!!!

N verdade, acredito que o Brasil tem jeito sim!!! Falta VONTADE!!!

O governo precisa dar mais atenção a nova geração que está se formando. Aliás, isso é uma conversa velha! O Pelé, já vem pedindo isso há muito tempo: "cuidem das criancinhas!" alguns achavam que era demagogia, mas ele, sempre esteve certo! Por isso, é o Embaixador do Brasil no mundo.

Existe um contingente numeroso de crianças e jovens carentes no Brasil, isso é fato!Mas é fato também, que eles têm o direito de sonhar com vitórias! Ainda que, todos reconheçamos o quanto é difícil ter medalhas (e os atletas sabem disso como ninguém!) no entanto o mais importante é considerarmos que o Brasil pode sim! Pode e merece, o direito de se fazer representar entre os melhores do mundo!!! Nós temos material humano para trabalhar! Falta estímulo! Apoio! Incentivo!

Basta olharmos atentamente esse momento olímpico, e enxergar a resposta que está diante de nós!!!

Nenhum comentário: